quinta-feira, 6 de junho de 2013

Planteis 2013/2014 - Parte III


Hoje abordaremos os jogadores do centro do terreno. Como se espera que todas as equipas joguem com 3 médios (se bem que o Benfica muitas vezes joga apenas com 2 mais um falso avançado) iremos dividi-los em três categorias: os médios defensivos serão classificados como números 6, os do centro do terreno que participam na manobra defensiva e ofensiva serão os números 8 e os médios ofensivos serão os números 10.

Número 6:

Porto: Fernando continua a ser exímio na recuperação de bola e dá jus ao nome de ‘Polvo’ e merece o lugar. Defour é o suplente podendo jogar noutros lugares do meio campo.

Benfica: Matic foi o melhor médio da liga e é admirado por esta Europa fora. Ruben Amorim terá de fazer as pazes com o seu treinador e lutar para ser opção neste lugar ou noutro.

Sporting: Dier encantou na sua primeira época sénior, ainda tem 18 anos mas joga como se tivesse 22. A outra opção para este lugar é Rinauldo que há muito se assumiu como um jogador raçudo e patrão do meio campo do Sporting.

Número 8:

Porto: Tiago Rodrigues e Josué foram contratados depois de boas épocas no Guimarães e Paços de Ferreira respetivamente. Têm de trabalhar para garantir o lugar que pertenceu a João Moutinho. Herrera é dado como certo no Porto e deve ser o dono do lugar. Castro parece não ter espaço.

Benfica: Enzo Pérez fez uma época muito boa e é a primeira opção para o lugar, um jogador que nem parece adaptado a esta posição e que dá a impressão que sempre jogou ali. André Gomes terá de continuar a aproveitar as oportunidades para melhorar e ganhar experiência. Carlos Martins é carta fora do baralho.

Sporting: Depois de uma lesão grave Schaars está de volta e irá lutar com os dois números 6 por um lugar no meio campo. Zezinho deverá ter minutos na equipa principal.

Número 10:

Porto: Lucho é o patrão do meio campo e com o passar dos anos foi perdendo gás e joga cada vez mais adiantado, espera-se que jogue na posição mais avançada e portanto será o dono do lugar, no entanto Carlos Eduardo terá de lutar com as qualidades que demonstrou esta época no Estoril para poder ganhar minutos.

Benfica: Djuricic foi contratado para esta posição, para os lados da Luz depositam-se grandes esperanças neste sérvio. Veremos do que é capaz. Miguel Rosa depois de outra grande época na Liga de Honra, desta vez ao serviço do Benfica B merece subir para a equipa A e disputar o lugar com o sérvio. Aimar acaba contrato e sai.

Sporting: André Martins voltou aos relvados e voltou também a demonstrar ser dono de uma grande inteligência no transporte de bola e de uma bela técnica, parte como favorito para este lugar. Adrien Silva continua a ser um jogador em que são depositadas grandes esperanças e que ainda não mostrou o que é capaz, irá lutar pelo seu espaço. Labyad parece estar de saída devido ao seu salário.

0 comentários:

Enviar um comentário

Aqui não há lápis azul, aqui não há comentários rejeitados. Portanto: Escreve praí!